Conteúdos sobre são paulo na Gama Revista

são paulo

Imagem de destaque do post
Assistir

Os segredos do hip hop paulista

Da rima ao beat, da dança ao grafite, o hip hop paulista é rico e repleto de artistas fantásticos. Homenageando essa cultura, OSGEMEOS -- que já contaram sua história para a Gama -- lançam “Segredos”. Um desdobramento da exposição da Pinacoteca, a série terá quatro episódios disponibilizados a partir do dia 10/6 no Youtube da instituição. Há depoimentos de KL Jay, Nelson Triunfo, Speto e Thaíde, entre outros. (Daniel Vila Nova)
Imagem de destaque do post
Fazer

Arte de rua paulistana

Com obras espalhadas por cinco regiões de São Paulo, o Museu de Arte de Rua promove o projeto MAR360º, um passeio com imersão virtual por 110 km. São obras de diversos artistas presentes em prédios e muros por toda a metrópole. Para visualizar, é só acessar o site e escolher no mapa a região que deseja visitar. Há ainda a possibilidade fazer download de um tour virtual completo. (Dandara Franco)
Imagem de destaque do post
Ir

Uma Megafauna no centro da cidade

Notícia animadora para quem acompanhou os esforços do meio editorial durante a pandemia: nesta semana, a livraria Megafauna começou a funcionar no piso térreo do Edifício Copan, no centro de São Paulo (Av. Ipiranga, 200 - loja 53). O espaço dedicado ao livro e à difusão das artes e das ciências deve sediar debates, encontros e também parcerias com a associação cultural Pivô, colega de condomínio da livraria, tão logo seja possível. Por ora, a visitação aos 216 metros quadrados de Megafauna está limitada a dez clientes por vez, de segunda a sábado, das 13h às 19h. Para quem ainda não quer se expor aos encontros presenciais, vale circular pelo perfil da livraria no Instagram. Dá para matar a curiosidade sobre o espaço, sair com boas indicações de leitura, e até encomendá-las pelo Whatsapp. (Laura Capelhuchnik)
Imagem de destaque do post
Ir

Uma exposição de arte para refletir sobre política

Seguindo a ideia de que há em curso uma crise permanente e multidisciplinar, que abrange a política, a economia, o clima, o meio ambiente e a saúde, só para começar a lista; e com base no pensamento contemporâneo mais radical, como o dos ensaios do crítico italiano Franco Berardi (que acaba de conceder entrevista ao Nexo), foi organizada a mostra "No presente, a vida (é) política" -- como já discutido na Gama -- em cartaz na Central Galeria, no centro de São Paulo. Com curadoria de Diego Matos, reúne obras de artistas como Bruno Baptistelli, Clarice Lima, Dora Smék, Fernanda Gassen, Fernanda Pessoa, Gabriela Mureb, Gustavo Torrezan, Marília Furman, Paul Setúbal e Rafael Pagatini. A proposta é voltar a atenção do público para experiências que podem contribuir para o debate sobre a reinvenção da esfera pública. A visitação deve ser agendada por telefone (11 93051-7652) ou email (info@centralgaleria.com), e a Central Galeria está instalada no edifício histórico do IAB SP (rua Bento Freitas 306, São Paulo-SP). É possível fazer a visitação digital também no site da galeria ou no perfil do Instagram. (IML)