Marçal Aquino responde – Questionario Proust — Gama Revista
Questionário Proust

Marçal Aquino

Escritor

Leonardo Neiva 30 de Abril de 2022

Jornalista, escritor e roteirista de cinema e TV, Marçal tem entre suas principais obras os livros “O Invasor” (2011), “Cabeça a Prêmio” (2003) e “Eu Receberia as Piores Notícias dos seus Lindos Lábios” (2005), todos adaptados para o cinema, além do volume de contos “Faroestes” (2001), que ganha nova edição em maio. Também foi roteirista das séries “Carcereiros” (2017-2021) e “Supermax” (2016) e lançou em 2021 o livro “Baixo Esplendor”

  • 1

    Qual é sua ideia de felicidade perfeita?

    Quando consigo pôr no papel exatamente aquilo que sobrevoou a imaginação.

  • 2

    Qual é o seu maior medo?

    Cometer uma injustiça irreparável com alguém.

  • 3

    Que característica mais detesta em você?

    A impaciência.

  • 4

    Que característica mais detesta nos outros?

    A falta de comprometimento.

  • 5

    Que pessoa viva você mais admira?

    Raduan Nassar.

  • 6

    Qual é a sua maior extravagância?

    Comprar livros numa quantidade tal que seriam necessárias umas cinco vidas para dar conta da leitura.

  • 7

    Qual é o seu estado mental atual?

    Apreensivo.

  • 8

    Que virtude considera superestimada?

    A inteligência.

  • 9

    Em que ocasião você mente?

    Só nos finais de semana – no almoço de família e no culto.

  • 10

    O que menos gosta sobre sua aparência?

    Nada em particular, estou satisfeito com a carcaça, apesar de tudo.

  • 11

    Que pessoa viva você mais despreza?

    Não me ocorre ninguém vivo que mereça meu desprezo.

  • 12

    Que qualidade mais admira em um homem?

    O senso de localização, ou seja, saber onde está e para onde vai.

  • 13

    Que qualidade mais admira em uma mulher?

    A delicadeza.

  • 14

    De que palavras ou frases você abusa?

    “Como assim?” – de resto, presente em algum diálogo de nove entre dez roteiros.

  • 15

    O que ou quem é o maior amor da sua vida?

    Alice, minha filha.

  • 16

    Quando e onde você foi mais feliz na vida?

    Aos 15 anos, quando entendi que escrever era o que eu queria de fato fazer na vida.

  • 17

    Que talento você mais gostaria de ter?

    Adoraria saber tocar algum instrumento.

  • 18

    Se você pudesse mudar uma coisa sobre você, o que seria?

    Não teria fumado durante três décadas.

  • 19

    O que considera sua maior conquista?

    Ter me tornado exatamente o que sonhei na juventude.

  • 20

    Se você morresse e voltasse como uma coisa ou uma pessoa, o que você gostaria de ser?

    Uma árvore num bosque silencioso estaria de bom tamanho.

  • 21

    Onde você mais gostaria de morar?

    Em qualquer uma das casas onde passei a infância, quando tudo parecia maior, inclusive o mundo.

  • 22

    Qual é o seu pertence mais estimado?

    Livros autografados por escritores que admiro e de quem me tornei amigo.

  • 23

    O que você considera o nível mais baixo da desgraça?

    Passar fome.

  • 24

    Qual sua ocupação favorita?

    Escrever. E ler. Porque são indissociáveis.

  • 25

    Qual sua característica mais marcante?

    Perseverança.

  • 26

    O que você mais valoriza em seus amigos?

    Lealdade.

  • 27

    Quais os seus escritores favoritos?

    Muitos, felizmente. Juan Carlos Onetti, Danilo Kis, Antonio Di Benedetto, James Salter, Rubem Fonseca, Lucia Berlin, Graciliano Ramos, Juan José Saer, Saul Bellow, Lygia Fagundes Telles, Don DeLillo, José Cardoso Pires, James Baldwin, Ricardo Piglia e Sérgio Sant’Anna são alguns deles.

  • 28

    Quem é seu herói na ficção?

    Hoje, nenhum. Mas houve um momento em que foi o detetive Philip Marlowe.

  • 29

    Com qual figura histórica você mais se identifica?

    Nenhuma.

  • 30

    Quem são seus heróis na vida real?

    O padre Júlio Lancelotti é um deles.

  • 31

    Quais são seus nomes favoritos?

    Atualmente, Elias e Gertrudes.

  • 32

    O que você mais detesta?

    Ter de esperar por alguém.

  • 33

    Qual seu grande arrependimento?

    Não ter subido a bordo do navio quando ela me convidou.

  • 34

    Como gostaria de morrer?

    Dormindo.

  • 35

    Qual é o seu lema?

    Eu vivo em legítima defesa.