série de TV — Gama Revista

série de TV

Imagem de destaque do post
Assistir

'Succession'? Não, F1

O mundo da Fórmula 1 é repleto de heróis, vilões e de tramas dignas das melhores séries. A Netflix sabe do potencial dramático do esporte e lança a terceira temporada de “F1: Dirigir Para Viver”, que acompanha dez equipes que concorrem na modalidade. Do triunfo de Lewis Hamilton ao drama das equipes menores, a série documental conta com dez capítulos, cada um focado em um time, e promete emoção até a última curva. (Daniel Vila Nova)
Imagem de destaque do post
Assistir

Uma animação para dormir melhor

A série de animação “Headspace - Guia para Dormir Melhor”, uma produção da Netflix em parceria com o aplicativo de meditação de mesmo nome, conta com sete episódios de 20 minutos, onde uma suave voz responde algumas das dúvidas mais comuns sobre o sono. Após cinco minutos de explicação, o episódio se transforma em uma meditação guiada que tem como objetivo te fazer dormir. (Daniel Vila Nova)
Imagem de destaque do post
Assistir

Terapia de (outros) casais

Você toparia abrir as suas sessões de terapia para o mundo? Na série "Terapia de Casal", a Dra. Orna nos conduz pelas sessões reais de terapia de quatro casais que aceitaram o desafio, e que tocam em temas como racismo, transsexualidade e violência doméstica. Se a princípio é fácil tentar escolher lados, as sessões mostram como cada casal é formado por duas pessoas, cada uma com seus desejos, traumas e vulnerabilidades. Os nove episódios da série e um especial da covid-19 estão disponíveis no Globoplay. (Thiago Quadros)
Imagem de destaque do post
Assistir

A sinopse do amor verdadeiro na Netflix

A ideia de que o amor é uma língua universal ganha representação audiovisual na série “Meu Amor” (Netflix, 2021), que retrata o sentimento em diferentes culturas ao contar a história de seis casais juntos há mais de 40 anos. Nicinha e Jurema -- duas mulheres negras, faveladas, LGBTQ+ e umbandistas -- são as protagonistas do episódio brasileiro e mostram como é viver o amor longe das idealizações românticas. (Dandara Franco)