Michel Melamed — Gama Revista

É também apresentador, poeta, dramaturgo e diretor de teatro. Publicou “Regurgitofagia” (Bertrand Brasil, 2017) e está no elenco de “Onde Está meu Coração” (Globo, 2020), no qual contracena com a atriz Leticia Colin, com quem é casado

  • 1

    Qual é sua ideia de felicidade perfeita?

    Vacina e impeachment. Mas, via de regra, ter mais de uma ideia. E justiça social, claro, antes de tudo. Ultimamente: comer frutas com meu filho. E seis horas de sono sem interrupção (Michel é pai do Uri, de um ano e quatro meses). Experimentar. A mínima ideia. A prática da infelicidade imperfeita. Veja bem, a ditadura da felicidade perfeita e todos os padrões de alegria impostos pela sociedade, nos fazem acreditar na existência de um modelo único… "Nunca vi, nem comi, eu só ouço falar.” Letícia, Uri e sorvete.

  • 2

    Qual é o seu maior medo?

    Como diria minha avó, “Deus me livre do Alzheimer… Deixa eu bater na madeira… Toc, toc, toc… Quem é?!?” Mas antes o Alzheimer do que o bolsonaro ser eleito em 2018.

  • 3

    Que característica mais detesta em você?

    Como carioca, judeu, canhoto, pisciano e correntista do Itaú, sou muito desconfiado. Mas o conjunto da obra não é de se jogar fora, digo, é.

  • 4

    Que característica mais detesta nos outros?

    Pessoas que, coitadas, nasceram com a máscara embaixo do nariz, no queixo ou, quem diria, até mesmo sem.

  • 5

    Que pessoa viva você mais admira?

    Marielle, presente.

  • 6

    Qual é a sua maior extravagância?

    Seguir acreditando mesmo fazendo menos esforço.

  • 7

    Qual é o seu estado mental atual?

    União instável.

  • 8

    Que virtude considera superestimada?

    A megalomania.

  • 9

    Em que ocasião você mente?

    Quando vou à luta (ou quando paraliso).

  • 10

    O que menos gosta sobre sua aparência?

    Toda uma gama de possibilidades visíveis não realizadas. E uma sonhada simetria nasal que, por volta dos 16, um rabo de arraia me roubou. Enfim, não coloco nada sobre ela, infelizmente nem o hábito do filtro solar eu tenho.

  • 11

    Que pessoa viva você mais despreza?

    Nem tão pessoa, nem tão viva: bolsonaro (em minúsculas ou menos, por favor).

  • 12

    Que qualidade mais admira em um homem?

    Ser feminista.

  • 13

    Que qualidade mais admira em uma mulher?

    Ser feminista.

  • 14

    De que palavras ou frases você abusa?

    É "independentemente", advérbio, “independente” é adjetivo.

  • 15

    O que ou quem é o maior amor da sua vida?

    O que: Letícia e Uri, a própria.

  • 16

    Quando e onde você foi mais feliz na vida?

    De hoje não passa.

  • 17

    Que talento você mais gostaria de ter?

    Falar bem, bonito e meu caro… Mas não seria desinfeliz numa filarmônica.

  • 18

    Se você pudesse mudar uma coisa sobre você, o que seria?

    O departamento de vendas. E o chão.

  • 19

    O que considera sua maior conquista?

    Sobreviver à infância. E à juventude. E ao início e grande parte da vida adulta.

  • 20

    Se você morresse e voltasse como uma coisa ou uma pessoa, o que você gostaria de ser?

    Plutão ou Baryshnikov.

  • 21

    Onde você mais gostaria de morar?

    Na cabeça da plateia no trajeto até a pizza.

  • 22

    Qual é o seu pertence mais estimado?

    Singulair 10, Somalgim 100, Crestor 10, Glifage XR 1g e Esomeprazol 40.

  • 23

    O que você considera o nível mais baixo da desgraça?

    O fundo falso do poço sem fundo: racistas.

  • 24

    Qual sua ocupação favorita?

    Alguma do MTST.

  • 25

    Qual sua característica mais marcante?

    A inadequação. E os sonhos.

  • 26

    O que você mais valoriza em seus amigos?

    A revolta, a bondade e a falta.

  • 27

    Quais os seus escritores favoritos?

    Os últimos: Ricardo Piglia, Enrique Vila-Matas, Joseph Brodsky, William Saroyan… Mas, principalmente, os próximos.

  • 28

    Quem é seu herói na ficção?

    Chicoecaetano.

  • 29

    Com qual figura histórica você mais se identifica?

    A maçã.

  • 30

    Quem são seus heróis na vida real?

    Como diria Galeano, "os maldormidos, os rebeldes e os humilhados desta terra.” Incluiria aqui, neste momento, uma homenagem aos entregadores de delivery de bicicleta.

  • 31

    Quais são seus nomes favoritos?

    Shirley e Balbina, mas só depois da meia-noite (ou, como diria Shake, me chame apenas de amor, que serei todo seu.)

  • 32

    O que você mais detesta?

    Filho da puta, né, minha filha?

  • 33

    Qual seu grande arrependimento?

    Ter dito muitos “nãos”. Graças a Deus.

  • 34

    Como gostaria de morrer?

    Renascendo e com contagem regressiva.

  • 35

    Qual é o seu lema?

    #bolsonaroGenocidaNaPrisão